Mendes

de origem portuguesa, classificado como sendo um patronimico, pois deriva de um nome próprio, vem nome Mendo, cuja forma arcaica seria Mêendiz ou Menindiz.
Em Portugal há dois ramos dos Mendes, um dos quais originário da Galiza.
Inicialmente, alguem ficou conhecido como “Fulano filho do senhor Mendo”, passando esta designação aos demais descendentes, posteriormente, por mutações gráficas transformou-se em Mendes.
Em Portugal também existe registro da grafia Mêndez.

http://www.geocities.com/carneiroarmorial/ (brasão) – http://www.geocities.com.br/Ibenzi/ (texto)

(Acesso em 2005)

Voltar